iskin

O sistema iSkin criado pela Universidade de Saarland (Alemanha) e Carnegie Mellon (Estados Unidos) propõe um controle das funções do smartphone a partir do uso de uma lâmina muito fina em forma de etiquetas, que contam com sensores capacitivos e resistivos.

Uma vez esses adesivos instalados sobre a pele (eles podem ser inseridos e retirados com facilidade, e não devem causar alergias ou problemas de pele), os botões e pontos de controle pré-determinados podem gerenciar o uso do smartphone.

iskin-1

Tudo o que é necessário é instalar uma dessas etiquetas no braço ou na mão, e diferentes funções do smartphone sem podem ser controladas, sem precisar tirar o dispositivo do bolso. Principalmente no momento de reprodução musical, atender ou encerrar chamadas. É possível até mesmo enviar mensagens a partir de um teclado virtual.

Por enquanto, os primeiros protótipos funcionam com os cabos que você vê nas fotos e no vídeo abaixo, mas é esperado que em pouco tempo possa ser possível implantar chips de radio-frequência para que se comuniquem de forma sem fio com nossos smartphones.

 

Via Universidade de Saarland