hack-centcom

As contas do Twitter e do YouTube do CENTCOM – uma ramificação do Exército dos Estados Unidos que opera no Oriente Médio e que tem sede no Pentágono – foram hackeadas, exibindo por alguns minutos mensagens relacionadas com o grupo islâmico ISIS.

As mensagens citavam um suposto roubo de informações relacionadas com o Exército e as redes do Pentágono, e apesar do Twitter se apressar em anular a conta que até então pertencia à CENTCOM, os hackers publicaram um texto no Pastebin, com a suposta informação extraída dos servidores militares.

isiscentcom

A conta da CENTCOM no YouTube também foi atacada, e chegou a mostrar vídeos favoráveis à ISIS, assim como uma imagem de topo de página que fazia alusão ao grupo.

Um porta-voz do Pentágono confirmou ao Wall Street Journal que nada do que foi publicado no Twitter corresponde com informações consideradas confidenciais, e que ‘por enquanto’ não haviam dados sensíveis nas mãos erradas.

Via Engadget