Uma das principais novidades apresentadas pela Apple ontem, no evento de lançamento do iPhone 5 é o Lightining, o seu novo conector para os dispositivos da empresa. Depois de ficar por anos com o seu tradicional conector de 30 pinos, a empresa de Cupertino passa a apostar em um produto com um formato menor, mais rápido e eficiente para a comunicação de dados entre o computador e o seu portátil.

A Apple fez diversas modificações no iPhone 5 para que ele tivesse diferenças o suficiente para convencer o usuário a mudança completa de produtos é algo necessário. Tanto que todas os cases, bumpers, cases com bateria e outros cacarecos que você comprou para o iPhone 4/4S não servirão para absolutamente nada quando você comprar o novo iPhone. Logo, recomendo que, quando fizer a troca, jogue tudo no lixo (de preferência no lixo da minha casa, pois só agora pretendo mudar meu iPhone 4 para o 4S, ok?).

Por outro lado, o Lightining é uma das boas novidades do novo iPhone e dos novos iPods apresentados ontem. Digo isso porque, com a Apple contando com recursos de transmissão rápida de dados (principalmente a Thunderbolt), oferecer essa facilidade nos novos produtos é uma vantagem considerável. Afinal de contas, todos nós carregamos nossos dispositivos todos os dias, e a maioria das vezes, fazemos isso enquanto trabalhamos no nosso notebook. Logo, por que não unir o útil ao agradável, e atualizar nossa biblioteca de músicas em segundos?

O Lightining conta com um conector de 8 pinos, que por ser menor, oferece um melhor contato com o dispositivo, mesmo não contando com um recurso de conexão magnética, como era especulado. Além disso, o cabo foi refeito para que a transmissão de dados seja mais rápida, assim como a recarga dos dispositivos algo mais eficiente. Um exemplo disso é a autonomia especificada para recarga do novo iPod Nano (1h30 para 80% da bateria recarregada, 3h para recarga total).

Para facilitar a vida dos donos das versões anteriores dos iDevices, a Apple lançou dois modelos de adaptadores para a nova versão, para que você não tenha que jogar fora os inúmeros cabos de comunicação de dados que você comprou na Santa Ifigênia ao longo dos últimos anos.

Esses adaptadores possuem preços que variam entre US$ 29 e US$ 59, dependendo do modelo escolhido. Porém, vou dizer para você uma coisa que você precisa ter em mente antes de sair desembolsando o seu salário na compra de um desses produtos: o iPhone 5 não será compatível com alguns acessórios, mesmo com o uso dos tais adaptadores.

A Apple alerta que nem todos os acessórios e dispositivos vão funcionar com o novo iPhone ou novos iPods, pelo simples fato do adaptador não ser capaz de enviar um sinal analógico para o dispositivo. Isso quer dizer que todo dispositivo ou acessório que necessitar de um sinal de áudio analógico para o dispositivo não será funcional com ele, e a maioria dos dispositivos de áudio para iPhone e iPod exigem o tal sinal de áudio analógico. Ou seja, antes de você comprar os adaptadores, verifique com o fabricante do produto que você quer conectar ao novo iPhone se ele precisa do sinal analógico ou não.

Via What HiFi, CNET