samsung-unpacked-2016-360-graus-topo

O Samsung Unpacked 2016 que apresentou os novos Galaxy S7 e Galaxy S7 Edge ficou marcado por ser o primeiro evento dos coreanos com transmissão de vídeo em 360 graus, com a ajuda dos seus óculos Gear VR para os mais de 5 mil presentes no local.

Como eles fizeram isso?

Esse post dá algumas respostas.

 

A realidade virtual como plataforma do futuro

samsung-unpacked-2016-360-graus-01

Steve Jobs popularizou o formato clássico de apresentação de produtos: um orador diante de uma tela que exibia imagens e informações sobre o tema do evento. Com o tempo, variações apareceram, como a tela circular da Sony, os cenários cheios de telas do Google I/O, e até o nome Unpacked da Samsung é uma inovação.

A Samsung sempre quis oferecer um algo mais nos seus eventos, indo de convidados de destaque (Michael Bay jamais será esquecido.. hahaha…) até cenários espetaculares, passando por espetáculos circenses e shows da Broadway. Tudo para não fazer os jornalistas dormirem durante o evento. Porém, dessa vez, eles se superaram. Esse foi um dos eventos mais espetaculares que a Samsung organizou até agora.

O Centro de Convenções Internacional de Barcelona foi reservado com vários dias de antecedência, e várias horas de testes foram feitos para o Unpacked 2016. Foram criados conteúdos em vídeo para demonstrar o potencial do Gear VR, que ainda não está na sua versão final. A versão do evento foi modificada especialmente para essa ocasião, para que o mesmo sinal fosse enviado ao mesmo tempo para todo mundo.

Foram utilizados 5 mil óculos Gear VR, que precisavam ser alimentados e enviando a apresentação ao vivo e de forma simultânea. Os primeiros testes foram feitos na Coreia do Sul, primeiro com 100 unidades, depois com 500, mais adiante com 1000, até chegar nas 5 mil unidades conectadas e funcionando conforme o planejado.

Um dos problemas detectados durante os testes era que alguns óculos deixavam de funcionar, provocando uma reação em cadeia nos demais óculos conectados ao mesmo terminal. Sem falar que era impossível encontrar qual óculos deu problema inicialmente. Por isso, eles optaram em colocar em cada assento do recinto um receptor NFC emparelhado com cada unidade do Gear VR. Dessa forma, quando um óculos apresentava problemas, ele era facilmente identificado.

samsung-unpacked-2016-360-graus-02

Outro desafio era ocultar todo o cabeamento gerado. A solução foi criar uma capa adicional de piso para ocultar os cabos. Aliás, a Samsung foi a primeira empresa que criou conteúdos em 360 graus para transmissão via streaming ao vivo, com uma capacidade máxima de 30 milhões de espectadores.

Por fim, a Samsung criou um cenário que simulava uma grande caixa. Quando a apresentação começou, essa caixa se abria para mostrar o enorme cenário e as quatro telas que formavam as quatro paredes da caixa.

O resultado final é visualmente impactante, e todos os elementos funcionaram perfeitamente. Temos aqui uma ótima referência sobre como podem ser os eventos em um futuro não muito distante.

A seguir, o Samsung Unpacked 2016 na íntegra, e mais fotos dos bastidores.

samsung-unpacked-2016-360-graus-03 samsung-unpacked-2016-360-graus-04 samsung-unpacked-2016-360-graus-05 samsung-unpacked-2016-360-graus-06 samsung-unpacked-2016-360-graus-07 samsung-unpacked-2016-360-graus-08