A Samsung incorporou a resistência à água em seus smartphones a partir do Galaxy S7 e, desde então, os modelos das linhas Galaxy S, Galaxy Note e Galaxy A recebem a certificação IP68, o que permite a submersão do dispositivo em água doce em até 1.5 metros de profundidade, por até 30 minutos.

Porém, isso não quer dizer que os smartphones estão salvos dos danos por água. Seja pela maior profundidade ou por mais tempo, ou porque não fechamos bem todos os compartimentos, a água pode danificar o smartphone, e esses danos não estão cobertos pela garantia do fabricante.

Sabendo disso, a Samsung incorporou um sistema que permite detectar se o seu smartphone foi ou não vítima de danos por água.

O Liquid Detection Indicator (LDI) é capaz de revelar tal anormalidade. Essa etiqueta normalmente é da cor branca, com um ‘x’ em rosa que, quando entra em contato com a água, muda para a cor vermelha ou rosa intenso.

 

 

Essa etiqueta LDI está posicionada nas ranhuras dos slots SIM/microSD, mas para ver a etiqueta é preciso retirar a bandeja dos chips.

 

 

Aqui, podemos ver um exemplo do mesmo smartphone antes e depois da entrada da água (esquerda e direita respectivamente):

 

 

Em alguns modelos mais antigos, com bateria removível, também podemos encontrar essa etiqueta na área da bateria.