olhar-tela-smartphone

Não chega a ser uma nomofobia (o medo irracional de esquecer o smartphone em casa), mas saiba que olhar o tempo todo para a tela do smartphone esperando por notificações ou mensagens no Twitter pode ser considerada (quase) uma obsessão.

Mas isso tem solução. Esse post oferece algumas ideias, truques e conselhos para reduzir o tempo que você fica olhando para a pequena tela, seja por puro reflexo ou pela ansiedade que você não pode mais controlar.

 

Conselhos que você pode colocar em prática

Não existe um truque infalível, e tudo depende de sua força de vontade. Mas se você quer parar de ser um freak do celular, anote algumas ideias já testadas, e que funcionam (algumas vezes):

– Se você não pode deixar o smartphone em modo silencioso durante o trabalho, experimente modos como o Não Perturbe do iOS, que filtram os alertas sem perder chamadas e mensagens importantes.

– Deixe o smartphone no silencioso, desligue o modo de vibração, e vai dar uma volta por aí para ver o mundo lá fora.

– Ter o smartphone longe de onde você se encontra (ou longe das suas mãos) é algo quase infalível. Se você passar por ele e pegá-lo acidentalmente, pense que está movendo um objeto qualquer de lugar, e pronto.

– Ignore o WhatsApp. Silencie as notificações desse aplicativo se você não recebe mensagens importantes por ele, e reserve alguns minutos por dia para se concentrar nas mensagens que vale a pena serem lidas e respondidas.

– Avisos de redes sociais podem esperar momentos muito específicos para serem visualizados. Com um pouco de prática e constância, você será capaz de controlar a irracionalidade de olhar para a tela do smartphone a cada cinco minutos.

– Não leve o smartphone no bolso, mas sim em uma bolsa ou mochila. Dessa forma, você não terá o reflexo tão imediato para verificar uma notificação recebida.

– Estabeleça um horário do seu dia para ficar sem o smartphone: durante as refeições, encontros com amigos ou namorada, ao ver um filme…

– Pague multas para você mesmo se você não cumprir com alguma dessas regras. Se você não superar o vício, ao menos terá dinheiro para comprar alguma coisa bacana para você.

 

O segredo está no próprio smartphone

olhar-tela-smartphone-02

Se você quer lutar contra a ansiedade gerada pelo smartphone, o próprio dispositivo oferece alguns recursos para reduzir a tendência de ficar olhando na tela o tempo todo:

– Elimine os aplicativos nativos de serviços que te consomem muito tempo (Facebook, Twitter, Instagram, etc). Receber atualizações o tempo todo tira muito mais a atenção do que abrir o navegador e atualizar a página do serviço em questão.

– Desligue o brilho de tela automático, e ajuste o brilho para o mínimo enquanto estiver na rua. Poucos modelos de smartphone oferecem uma boa visualização de tela debaixo do sol forte.

– Não saia de casa com 100% de bateria. Isso vai te obrigar a reduzir o uso do smartphone. E se você quiser recarregar o aparelho ao mesmo dia, tire os cabos de recarga de sua frente.

– Não ative a sincronização automática de serviços, ou coloque períodos maiores para o smartphone sincronizar seus dados.

– Um plano de dados com poucos megas. Além da economia de dinheiro, a baixa velocidade será algo tão frustrante, que você não se sentirá motivado a usar o smartphone, ou terá que investir pesado para manter o plano de dados adequado. ATENÇÃO: não vale aqui trapacear utilizando o WiFi, exceto se você realmente precisa ver os seus e-mails mais importantes.

 

Usando a tecnologia para trapacear

google-wear-relogio

Em alguns casos, deixar de olhar tanto para a tela do smartphone não é tanto uma necessidade ou desejo, mas sim uma maneira de enganar terceiros. Aqueles que não queremos que saibam que, apesar do nosso olhar sério para a tela do dispositivo, não temos absolutamente nada para ver naquele momento.

Felizmente, a tecnologia oferecer várias maneiras de saber se temos notificações ou até em ajudar no procedimento de olhar na tela sem ter qualquer notificação:

– Sons personalizados: se o sistema operacional do dispositivo permitir, configure diferentes sons para chamadas ou mensagens das pessoas mais importantes de sua agenda.

– LED de notificações: existem aplicativos que mudam a cor do LED de notificações para diferentes tipos de alertas.

– O smartwatch: o relógio inteligente pode exibir em sua tela as notificações e mensagens recebidas no smartphone. É claro que a outra pessoa vai perguntar se estamos com pressa de ir embora, mas tudo bem…

– O ‘modo freak’: a combinação de lâmpadas Philips Hue, onde dependendo de quem nos manda um e-mail ou mensagem, a luz da lâmpada vai mudar de cor. Não é algo discreto e alguns vão suspeitar, mas aqui é uma questão de usar a imaginação e a tecnologia com a desculpa perfeita.