pendrive de sistemas operacionais

Se você gosta de testar sistemas operacionais, ou é um profissional que precisa levar vários consigo para instalar em múltiplos equipamentos, esse post revisa o processo de criação de um pendrive USB mestre, com múltiplos instaladores.

Se o assunto te agrada, muito provavelmente você tem uma coleção de ISOs de sistemas operacionais armazenados em HDs, na nuvem ou em discos óticos. Esta é uma boa maneira de recompilar tudo e ter ao seu alcance em um único pendrive.

 

Como fazer?

A criação do pendrive é algo relativamente simples, com a ajuda da ferramenta gratuita WinSetupFromUSB, que permite a adição dos instaladores até o limite da capacidade do pendrive. Além dos instaladores do Windows e do Linux em versões de 32 ou 64 bits, você também pode adicionar outros aplicativos, como boot de emergência contra vírus ou discos de recuperação em geral, para diagnóstico e solução de problemas. A seguir, um passo a passo:

– Faça o download do WinSetupFromUSB e extracte o arquivo. Execute a versão de 32 ou 64 bits, de acordo com a versão do Windows que você está utilizando.
– A ferramenta vai buscar o pendrive a utilizar conectado no seu computador, e exibindo em sua interface vai mostrar suas possibilidades, especialmente se você escolhe as opções avançadas, para personalizar as pastas que alojarão os instaladores e os nomes do menu de inicialização:

PendriveSO_3

– O próximo passo é o mais importante: a ferramenta deve formatar a unidade e deixá-la pronta para a inicialização. Marque o formato automático “FBinst”. Também temos que marcar o sistema de arquivos, dependendo se o seu equipamento tem BIOS ou UEFI. Em caso de dúvidas, marque “FAT32” para maior comodidade.

PendriveSO_4

– Para esse exemplo, vamos adicionar uma ISO do Windows 10 Pro de 64 bits. Ou selecione a opção que melhor atenda a sua necessidade:

PendriveSO_5

– A ferramenta vai alertar que todos os dados do pendrive serão apagados. Se você tem certeza disso, continue.
– Digite um nome para a pasta onde será criado o instalador, e outra para o nome que você quer que apareça no menu de inicialização.

PendriveSO_6

– O WinSetupFromUSB vai formatar, preparar o gestor de inicialização e vai realizar a gravação da ISO no pendrive. Esse processo vai levar alguns minutos, e pode demorar mais se você não está utilizando uma unidade USB 3.0.

PendriveSO_9

Tudo pronto. Já temos o primeiro instalador incluído. Mas o que queremos é adicionar outros instaladores.

Para isso, faremos da mesma forma que o primeiro, com as seguintes exceções:

– Quando você quer incluir ISOs adicionais, deve se certificar que desmarcou o formato automático “FBinst”, porque só se usa esse modo na primeira vez para preparar o sistema de inicialização. Por padrão, essa opção está desativada.
– Para cada sistema que você adicionar, deve repetir o processo que vimos no início das opções avançadas, para poder personalizar o nome de cada um no menu da inicialização.
– Você não precisa adicionar todas as ISOs de uma vez. Pode encerrar o aplicativo e agregar as demais quando precisar.
– Você pode incluir os sistemas que quiser, desde que haja espaço livre no pendrive.
– Você não pode incluir ISOs preparadas, que combinem várias imagens de 32 e 64 bits, como os AIOs. Deve incluir uma a uma em separado.
– Não apenas sistemas. É possível adicionar a maioria das mídias de inicialização contra vírus e outras ferramentas, como por exemplo o UltimateBootCD. Veja uma lista de compatibilidade na página de suporte do software.

Uma vez que você tenha suas ISOs gravadas no pendrive, só resta fazer a inicialização com ele no equipamento que você deseja. Um menu de inicialização com os sistemas ou aplicativos preparados vai aparecer:

PendriveSO_8

 

O WinSetupFromUSB é muito útil, fácil de usar e gratuito. Ideal para ter em um pendrive (ou HD externo USB) todos os instaladores que você precisa, ou no caso de sistemas Linux ou aplicativos LiveCD, executar tudo a partir de uma unidade externa.