Celulares em 2004

Sim, já podemos falar de smartphones.

Os anos bissextos, como foi 2014 e como é 2016, sempre são repletos de eventos esportivos. Em 2004, tivemos os Jogos Olímpicos em Atenas, a Grécia ganhava a Eurocopa contra Portugal, e Michael Schumacher conquistou o seu sétimo e último titulo de campeão mundial de Fórmula 1. Sem falar de Lance Armstrong, que conquistava o seu sexto Tour de France (que perderia anos depois com o escândalo do dopping).

Saindo do mundo esportivo para o mundo mobile, não tivemos uma grande revolução em 2004, mas já percebemos melhorias nas câmeras, na navegação via internet… e na Motorola ditando as regras com um dos seus celulares mais amados.

 

Motorola RAZR V3

motorola-razr-v3

Não tem outro modelo que poderia encabeçar essa lista. O mítico Motorola RAZR V3 reinou na época que o conceito de smartphone era praticamente desconhecido, com os celulares flip ditavam regra. Com apenas 5.5 MB de memória (não expansível), esse modelo conquistou pela sua tela colorida, a pequena tela externa que mostrava as horas, chamadas ou mensagens pendentes e o seu design incrível provocou uma explosão de vendas, em uma época que a Nokia seguia triunfando. Outros modelos da linha RAZR foram apresentados, mas nenhum foi tão icônico como o V3.

 

Nokia 6630

nokia-6630

Enquanto a Motorola apostava no design, a Nokia seguia com telefones barra, e triunfava com eles. Ao mesmo tempo, dava os seus passos no mercado de smartphones, inserindo opções avançadas em dispositivos como o Nokia 6630, com um design bem peculiar, e que não entrava em qualquer bolso. Foi uma evolução em relação ao 6630, contando com câmera de 1.3 MP que gravava vídeos em 176 x 144 pixels, armazenamento em cartões MMC de até 2 GB (com 32 MB ou 64 MB inclusos no dispositivo), sistema operacional Symbian S60 com visualizador de documentos do Office e até a opção de videochamadas, mesmo sem câmera frontal.

 

BlackBerry 7730

blackberry-7730

Por outro lado, a BlackBerry seguia na sua, apostando nos smartphones largos com teclado QWERTY completo. Em 2004, o BlackBerry 7730 apresentou uma evolução discreta em relação ao modelo 6230, com uma tela quadrada (240 x 240 pixels) colorida de 3 polegadas, que permitia a visualização de documentos ou ler e-mails de forma mais cômoda, com a agilidade que também oferecia a roda lateral de sroll.

 

Samsung E310

samsung-e310

A Motorola não estava sozinha nas propostas de celulares clamshell. Uma Samsung bem diferente do que a que conhecemos hoje obteve naquele ano muitas vendas com um dispositivo flip, mas ainda com a antena fora do corpo principal. De qualquer forma, o Samsung E310 foi um dos smartphones que se popularizou por conta da forte presença no catálogo das operadoras. Apesar de sua pequena tela e da conectividade GSM, o modelo já oferecia acesso à internet, com navegação através de quatro teclas fixas.

 

Siemens C65

siemens c65

Esse eu tive! O Siemens C65 foi um celular clássico de barra com tela pequena e um design relativamente simples. Em compensação, foi um campeão de vendas. O principal destaque do modelo era o seu joystick presente abaixo da tela, que permitia explorar os menus do dispositivo, portais se deslocando para diversas opções para confirmar ações. A câmera também não era grande coisa (VGA), mas já permitia a gravação de vídeos.