celulares e smartphones de 2009

Estamos em 2009, um ano muito interessante no quesito novidades. Os celulares seguiam como os mais vendidos, mas os smartphones abriam caminho com velocidade, com todas as marcas apostando no setor, visando buscar o consumidor.

 

BlackBerry 8520

BlackBerry 8520

Todo mundo conhece alguém que tem ou teve um BlackBerry 8520. Ainda que o nicho principal dos canadenses fosse os usuários profissionais, um BlackBerry com teclado QWERTY completo, leve e acessível era perfeito para se tornar um campeão de vendas.

Com ele, a BlackBerry triunfou entre os mais jovens, que buscavam um smartphone adaptado para o crescente uso de trocas de mensagens. Não contava com WiFi e a câmera não era tão boa. Mesmo assim, o 8520 arrasou. Até que o Android virasse moda, este foi o smartphone preferido da juventude da época.

 

iPhone 3GS

iPhone 3GS

Um ano depois do primeiro iPhone com conectividade 3G, temos o seu sucessor, o iPhone 3GS. A variante não apresentava mudanças no design, mas melhorou aspectos fundamentais das especificações, como por exemplo o processador ou a câmera.

Também aumentou o armazenamento máximo para até 32 GB e incorporou o controle por voz. O primeiro final de semana de vendas foi mais um recorde, e em alguns países só era possível ser adquirido via contrato com operadoras.

 

Nokia 7230

Nokia 7230

A Nokia em 2009 estava apostando pesado no Symbian para os smartphones, introduzindo cada vez mais a tela capacitiva em substituição às resistivas. Nisso, poderíamos destacar os modelos 5230 e X6, mas naquele ano o de maior destaque foi o 7230.

O Nokia 7230 não tinha características especiais, mas mesmo assim foi o mais vendido daquele ano. Seu formato de tela slide agradava e muito, ainda que sua câmera não contasse com flash. Outra prova que não era preciso ter as melhores especificações para agradar.

 

 

HTC Hero

HTC Hero

A HTC lançou o primeiro smartphone Android do mercado, mas também apostava no Windows. Em 2009, eles lançaram o curioso HTC Hero, com o curioso design onde a parte inferior da carcaça girava.

O Hero foi o primeiro Android da HTC a incorporar um conector de 3.5 mm para fones de ouvido. Também foi o primeiro Android a suportar flash e um dos mais vendidos da Europa. Também é curioso o seu botão na parte inferior, sensível ao toque e emborrachado.

 

Sony Ericsson X10

Sony Ericsson X10

Além da HTC, a Sony Ericsson foi uma das primeiras a colher frutos com o Android, especialmente por conta do Sony Ericsson X10.

Sua aparência era muito similar ao Xperia ARC S que chegou depois, com botões simples na parte inferior. Na época, foi o melhor Android da linha de smartphones da Sony Ericsson, com uma tela de quatro polegadas (854 x 480 pixels) e câmera de 8 MP. Na época, um top de linha.