Comprar um smartphone não é uma tarefa fácil, com tantos modelos disponíveis. Há muitas coisas que você deve levar em consideração antes da compra, com novas características padrão adicionadas nos últimos anos.

Nesse post, revisamos as cinco características que você deve levar em consideração antes de comprar um smartphone em 2018.

 

1. Tela panorâmica

 

 

Algo imprescindível, mas… o que é uma tela panorâmica? É uma tela com a relação 18:9 ou 19:9 (essa última, com notch), mais larga do que a tela 16:9.

Os dois formatos entregam um efeito panorâmico ao reproduzir conteúdos na horizontal, elevando a experiência de consumo de conteúdo. Muitos dos filmes e séries atuais já são gravadas em 18:9.

Hoje, modelos de entrada, linha média e top de linha já entregam telas panorâmicas. Os dispositivos mais caros entregam bordas mínimas, o que aporta uma melhor experiência.

 

2. Câmera dual ou com efeito de desfoque

 

 

Também está em praticamente todos os smartphones. Não apenas conseguimos uma melhor iluminação, mas também um zoom sem perda de qualidade ou detalhes.

Sem falar no efeito desfoque ou bokeh. Mesmo com dispositivos que conseguem o mesmo efeito com apenas uma lente, a segunda lente ajuda a captar melhor o fundo e desfocá-lo, deixando o sensor principal apenas com o objeto ou pessoa no centro.

Os fabricantes apostam em configurações diferentes. A Huawei adiciona um sensor monocromático à sua segunda lente, enquanto que a LG aposta no segundo sensor com grande angular para fotos panorâmicas. Uma câmera frontal dual também é muito bem vinda.

 

3. Processador de oito núcleos

 

 

Leia também:   Mozilla publica mais detalhes sobre o primeiro tablet Firefox OS

Os jogos e aplicativos são cada vez mais exigentes, e os fabricantes sabem disso. Para compensar, estão chegando os processadores com oito núcleos, inclusive nos smartphones de entrada.

Mesmo que você observe ao modelo do processador e seu fabricante, um chip octa-core ajuda a fazer com que o sistema operacional funcione melhor, assim como jogos e aplicativos. É claro que, aqui, a RAM também conta, e não deve ser inferior a 2 GB.

 

4. Recarga rápida de bateria

 

 

É um recurso que salva vidas, e cada fabricante está trabalhando na sua tecnologia. Mesmo assim, os fabricantes de processadores também incorporam modos de recarga rápida de bateria que podem ser utilizados pelos dispositivo.

Huawei, Samsung e OnePlus contam com suas próprias tecnologias de recarga rápida, e por enquanto é uma funcionalidade exclusiva entre os modelos top de linha. É altamente recomendado que você utilize a recarga por cabo.

 

5. Segurança e métodos de desbloqueio

 

 

Não pode faltar no seu dispositivo, e mais uma vez encontramos o recurso em dispositivos de todas as linhas, com diferentes métodos.

A Apple tem um sensor 3D de reconhecimento que detecta o teu rosto mediante sensores de infravermelho. A OnePlus tem o reconhecimento via software, e a Samsung aposta no escâner de iris. Também temos os smartphones com leitor de digitais, que aos poucos é integrado na tela (hoje a localização depende das bordas na tela ou do design do dispositivo, mas normalmente ele fica na parte traseira).

Por fim, é importante observar que o fabricante deve aplicar métodos de segurança como atualizações com correções mensais, que corrigem e previnem vulnerabilidades, além da proteção própria e correções de falhas nas capas de personalização do fabricante.

Leia também:   Apple vai investigar o incêndio desse iPhone 7 Plus

 

Ponto extra: a versão do sistema operacional

 

 

Um tema muito delicado. No Android, as atualizações não são tão regulares como no iOS, que por sua vez faz o software sob medida para seus produtos.

No Android, cada fabricante é responsável pelo update de seus dispositivos. Mas aos poucos isso vai mudando. Se você vai comprar um smartphone hoje, priorize o modelo que conta com a última versão do Android (Oreo).