reconhecimento facial china - Cidadão é preso por sistema de reconhecimento facial que o identificou entre 60 mil pessoas

Um cidadão de 31 anos foi preso na China depois de ser identificado pelas câmeras de segurança com tecnologia de reconhecimento facial, no meio de nada menos que 60 mil pessoas.

O homem, conhecido como Ao, sua esposa e vários de seus amigos se deslocaram até Nanchang, na província de Jiangxi, para assistir a um concerto musical no Nanchang International Sports Center. Mesmo sendo procurado pela polícia por um conflito econômico, ele nunca pensou que uma máquina o reconheceria.

O funcionamento da câmera é similar ao que podemos encontrar em outros lugares. As câmeras estão conectadas a uma base de dados da polícia, que é revisada por um algoritmo inteligente. O software analisa padrões, realiza comparativos e pode até saber o número de pessoas em deslocamento.

Aterrorizante? Pois saiba que esses sistemas podem reconhecer pessoas mesmo quando elas estão maquiadas.

Logo, se aprontou alguma no seu passado, cuidado por onde você anda.

 

Via ECNS