zte-mod-001-1

No meio de 2013, vimos um projeto chamado Phonebloks, que chamou a atenção por ser um celular modular, onde o usuário poderia substituir os componentes avariados com facilidade, ou atualizar o hardware para módulos mais completos. A ideia seduziu a Motorola, que incorporou o conceito na sua fila de projetos, rebatizando o mesmo de Project Ara. Pois bem, eles agora não estão sozinhos. A ZTE anunciou a sua versão de telefone modular, o Eco-Mobius.

O princípio do telefone da ZTE é o mesmo: o usuário poderá ir adquirindo componentes, e ir melhorando o hardware sem a necessidade de substituir o telefone por completo. O protótipo do modelo dos coreanos foi apresentado na CES 2014, envolto por uma vitrine muito bem vigiada.

O Eco-Mobius é composto por quatro módulos que podem ser substituídos: LCD, módulo central (processador e memória), câmera e bateria. A vantagem em utilizar um telefone com diversos módulos está no fato que, dessa forma, cada usuário pode dar a ênfase naquele aspecto que mais lhe interessa.

Os amantes da fotografia vão investir em um bom módulo de câmera, enquanto que aqueles que valorizam o desempenho vão adquirir uma CPU generosa. Mas as vantagens do modelo da ZTE não terminam por aqui: eles podem fomentar todo um mercado de segunda mão de módulos, através de uma plataforma onde os usuários poderão comprar e vender componentes entre si.

O projeto ainda não tem data de lançamento. Ainda está na fase de testes conceituais.

zte-mod-004-1 zte-mod-003-1 zte-mod-002-1 zte-mod-1 zte-mod-009-1 zte-mod-008-1 zte-mod-007-1 zte-mod-006-1 zte-mod-005-1