Hoje, por ser o início oficial da CES 2010 (Consumer Electronic Show), a maior feira de eletrônicos dos Estados Unidos, e uma das maiores do mundo, vamos dedicar boa parte dos posts do blog TargetHD.net para te mostrar o que rolou de melhor nas apresentações de empresas como Microsoft, Sharp, Toshiba, Samsung Sony e LG. Por isso, nosso sistema de postagens será radicalmente alterado. Hoje, nos focamos nos keynotes, e nos próximos dias, mostraremos todos os detalhes dos novos produtos e lançamentos ligados à estas empresas. Isso é feito para que você não perca absolutamente nada do que está acontecendo em Las Vegas. O material deste post é da Engadget, blog oficial da CES 2010.

O cenário era composto de vários computadores, rodando o Windows 7. Pelo menos 2 mil pessoas presentes para acompanhar o disputado keynote da Microsoft.

Eles pedem que fotos e flashes só possam ser usados nos primeiros 60 segundos do início do keynote. Quando as luzes se apagam, a galera aplaude… mas..

… a luz acabou, e eles informam que estão com problemas técnicos (é, keynote da Microsoft sem falhas não é keynote da Microsoft).

As luzes estão voltando… os computadores estão sendo religados.. bom, ao menos não temos a Tela Azul da Morte, não é mesmo?

As luzes se apagam (sem pane agora), e rola o som do Black Eyed Peas, “I Got A Feeling”.

No palco, o presidente da CEA, Gary Shapiro. Deseja votos de bem-vindos a todos, e começa falando que foi um ano muito difícil para todos, mas que parece que as coisa estão melhorando. A CES ajuda a melhorar o mercado, permitindo que qualquer pessoa com uma ideia inovadora, apresente esta ideia para milhões de pessoas. Fala de Steve Ballmer, CEO da Microsoft, contando sua trajetória dentro da Microsoft, e seu entusiasmo ao falar com a empresa, enfatizando que Ballmer é um ser muito dinâmico.

Ballmer no palco.

Ele começa dizendo que o que mais o emocionou em 2009 é que, na indústria de tecnologia, apesar das dificuldades, não se perdeu o foco e novas ideias apareceram. Nisso, aparece um vídeo com Seth Myers, humorista do Saturday Night Live, para falar sobre como a tecnologia “melhorou sua vida”.

Voltando ao Ballmer, ele diz que aos poucos, a Microsoft trouxe seus novos conceitos à realidade. As últimas 3 décadas foram impressionantes em termos de mudanças. As coisas que nos parecem normais hoje, eram ficção científica nos anos 80. Fala do Projeto Natal, do Xbox 360 e de seus lucros, dos avanços do Bing em 2009… afirma que a caminhada é longa, mas diz que a Microsoft começou muito bem.

Ballmer prossegue. Informa que a Microsoft se uniu a HP para o uso do Bing. Fala da contribuição da Microsoft com a Ford, no projeto Sync, com a Ford vendendo sua unidade de 1 milhão com o Blue&me e EcoDrive. Fala também da parceria da Microsoft com a Kia Motors, para um novo sistema de comunicação, rodando com Windows CE. O UVO, que vai ser lançado em 2011 no Kia Sorento.

Na parte de entretenimento, Ballmer diz que o Zune HD está dominando grande parte do mercado, que lançaram o Windows Mobile 6.5, e apresenta o novo HD2, que estará disponível pela T-Mobile nos Estados Unidos. Prometem falar mais sobre os telefones na Mobile World Congress.

Sobre o Windows 7. Destaca navegação, performance, o número de pessoas envolvidas neste projeto (3 mil engenheiros, 50 mil sócios e mais de 8 milhões de pessoas que testaram o sistema em 2009). As vendas com computadores com Windows saltaram em 50% durante a semana de lançamento do Windows 7. Ballmer diz que o Windows 7 é o sistema operacional que mais rápido se vendeu na história, e que 94% dos usuários do Windows 7 estão contente com um produto. Foam 300 milhões de computadores vendidos com Windows em 2009, e para 2010, ele espera um aumento de vendas de 12%.

Ballmer agora muda o foco para o futuro. Chama ao palco Ryan Asdourian, da equipe de desenvolvimento do Windows.

Ryan começa mostrando os diversos equipamentos que rodam o Windows 7 com excelente qualidade: Lenovo A300, o mais fino do mercado, Sony VAIO L, com tela touchscreen, produtos da ASUS, MSI e o Dell Adamo XPS.

Fala dos jogos 3D, que podem levar o entretenimento a uma esfera tridimensional. Isso sem falar nos filmes neste formato. Para os estudantes, o Blio, uma biblioteca multimídia totalmente integrada, com opções de vídeos inclusos e texto lido.

Com o Windows Live e o Office 2010, os estudantes poderão compartilhar ferramentas de estudo sem problemas.

Bing mosta seus avanços, permitindo agora integração com fotografias das cidades buscadas. Ou o mesmo que o Google Maps já faz.

Entretenimento doméstico (TV): no mesmo computador que você vê TV, pode também gravar outros canais. Na verdade, até 4 canais HD ao mesmo tempo. E, pelo fato de usar um computador para ver TV, você pode navegar pela internet ao mesmo tempo que assiste ao seu programa. O Windows Media Center já vem com interfaces personalizadas do canais.

Falam também do Microsoft Mediaroom, que permite acesso maior a mais conteúdo sem maiores problemas, e do AT&T Uverse, que permite um ma
ior uso de recursos online do Xbox 360.

Através do Windows Mediaroom, você pode obter acesso ao mesmo conteúdo a partir de um telefone.

Ballmer então fala do HP Slate PC, que é uma espécie de tablet ou leitor de e-books colorido, rodando Windows 7. Seria este o grande adversário do iSlate da Apple? Só o tempo dirá…

Mais um vídeo com Seth Myers, falando de tecnologia móvel e jogando o Xbox 360.

É chamado ao palco Robbie Bach, para falar do setor de games e entretenimento. Ele diz que, para ele, é um prazer trabalhar para a Microsoft, pois os seus softwares permitem liberdade e alegria.

Começa a falar das novidades para o Xbox em 2010. Neste ano, teremos Mass Effect 2, Splinter Cell Conviction e o primeiro pacote para o Call Of Duty. Além disso, teremos Fable III, Crackdown 2, Alan Wake, que será jogado por episódios, como se fosse uma série, e Halo, que representa a batalha épica e clássica entre o bem e o mal. Halo Reach será lançado no final de 2010, exclusivo para o Xbox 360, com multiplayer beta disponível na primavera do hemisfério norte (entre abril e junho)

Bach continua dizendo que 2010 será especial por causa dos recursos que serão incluídos no Xbox Live, que não são de jogos. A parceria com a Netflix mudou a cara do Xbox Live, aplicativos para Facebook, Twitter e Last.fm, a loja do Zune, o serviço de Party Mode, onde o mesmo filme pode ser visto por seus amigos ao mesmo tempo, em locais diferentes, a possibilidade de ver o mesmo filme em seu PC, no seu Xbox e no Zune HD, e o lançamento de 30 jogos clássicos do Atari 2600 para o Xbox e Windows. A cada semana, um novo pacote de jogos clássicos estarão disponíveis.

Agora fala-se do Projeto Natal, que promete eliminar a última barreira dos jogos: o controle. O Projeto Natal estará disponível no final de 2010, afirmando que este será o melhor ano da história do Xbox.

E assim se encerrou o keynote da Microsoft. Sem Ballmer voltando ao palco. E ficou nisso mesmo.

Minhas impressões:

Bom, acompanhar keynote da Microsoft é uma baita de uma maratona. O horário não ajuda aos brasileiros, e nem mesmo o formato deste keynote ajuda. Não houveram muitas novidades: o especulado tablet que gerou um certo falatório antes do keynote foi apresentado de forma muito discreta para um produto que supostamente levaria a assinatura Microsoft. Tá mais mesmo para que o Slate PC seja um produto HP, com parceria da Microsoft. Saber de previsão final de lançamento do Halo e do Projeto Natal são boas novidades, pois muita gente vai esperar o ano todo para poder comprá-lo. E… é isso. Não consigo me impressionar com a enaltação de performance do Windows 7 em certos equipamentos. Isso é obrigação da Microsoft depois do que fizeram com o Windows Vista, e as melhorias para os setores de educação e entretenimento doméstico não são coisas que podemos chamar de novidade.

Nos próximos dias, traremos mais detalhes de alguns dos produtos que você leu neste post. Fiquem ligados, pois aqui no TargetHD.net, a CES 2010 dura mais do que apenas 4 dias de feira.