E segue nossa maratona de apresentações realizadas na CES 2010 em Las Vegas, desta vez, a Sony mostra suas novidades e perspectivas. Conteúdo via Engadget, blog oficial da CES 2010.

Logo de cara, a Sony já dizia o do que queria falar: 3D. Óculos 3D já estavam disponíveis nos assentos ao chegar no local da apresentação. Som dos alto falantes no local executava Beyonce a toda. Então, as portas começam a se mover, e todos aqueles que pensavam que estavam na primeira fila, ficaram no fundo, pois Sony tinha um palco secundário escondido. Aí começou a correria de bloggers e jornalistas, para se posicionarem nos novos assentos, buscando os melhores lugares.

Nisso, nos alto falantes, é solicitado aos presentes que coloquem os óculos e desliguem seus celulares. Howard Stringer sobe ao palco.

Howard começa fazendo piadinhas, dizendo que todos estavam muito bonitos com os óculos. Falando um pouco mais sério, ele anuncia que os herdeiros de Jimmy Hendrix e a Sony chegaram em um acordo para lançar em 3D vários shows do emblemático guitarrista. Depois, a cantora Taylor Swift aparece para demonstrar o que é 3D de verdade. Nesta parte, os óculos não fizeram muita diferença. Taylor (sem muita naturalidade), fala que gosta da Sony pela facilidade em tirar fotos com suas câmeras, ver filmes nas suas TVs, etc, etc.. e dá-lhe música com Taylor Swift ao vivo. Enquanto a performance acontecia, uma tela tridimensional instalada no palco projetava o show; o efeito não se demonstrou muito eficiente, pois tinha uma certa desconexão entre as imagens 3D da reias da cantora e o da tela. E chuva de confetes… que sempre animam as coisas.

Stan Glaswog, presidente e diretor geral da Sony Electronics, no palco.

Stan começa dizendo que os presentes vão ver coisas que só poderiam ver em uma empresa com o poder da Sony. Dá boas vindas à vários executivos da Sony que vieram de todos os cantos do mundo. Eles se levantam e acenam educadamente ao público. Fala brevemente sobre uma aliança com a Ford, que será anunciada hoje, e enfatiza que as pessoas devem pensar (e muito) no significado do slogan make.believe. Believe expressa as idéias, e Make o ato de criação. É exibido um vídeo repassando de forma rápida o catálogo da Sony Music.

Uma Bravia LCD desce do alto. A Sony informa que este será o novo estilo da empresa (no caso, o Bravia LCD sendo o padrão a ser seguido).

Modelos de TVs de 20 a 60 polegadas estarão no mercado nesta mesma primavera. Estas novas TVs Sony “monobloco” tem um acabamento refinado, em uma base fixa que faz do produto quase que um elemento de exposição. E, obviamente, os produtos são mais do que obras estéticas. Com o Bravia Internet Video será possível acessar a widgets, séries e filmes de múltiplas companhias.

Além disso, a Sony trouxe um novo sistema de áudio home cinema com alto falantes sem fio. Novos players de Blu-ray com acesso ao Bravia Video e WiFi também são apresentados.

Mais um vídeo promocional, desta vez para apresentar o Dash, que é um porta-retratos digital, com despertador e funções online. Conta com funções para o Facebook, tem tela touch, organizador…

Kazuo Hirai, chefe de produtos online, sobe ao palco para falar da família PlayStation

Ele começa dizendo que não está lá para falar do PlayStation 3, mas sim de algo que transcende os consoles. Fala da PlayStation Network, que já está disponível em duas plataformas, uma boa quantidade de países e várias divisões. E anuncia uma nova PlayStation Network unificada, onde seus dados de usuário estarão consolidados, de modo que você poderá utilizá-los em todos os dispositivos compatíveis. O serviço de vídeo Premium estará disponível inicialmente para 7 países. É anunciada uma nova companhia, a Sony Network Entertainment, encarregada de dirigir a expansão dos serviços online da Sony. Mais detalhes sobre isso em breve.

Agora, a parte de hardware. O Reader é o primeiro a ser relatado. A partir de agora, ele vem com conteúdos da Downjones.com, Market Watch e Washington Journal, além do New York Post. Com isso, podemos dizer que Rupert Murdoch vai ser um homem um pouco mais rico. Mas só um pouco.

Agora, cartões SD. Para a Sony, seu lançamento é uma questão de oferecer mais alternativas ao consumidor. Mas isso é a posição oficial da Sony, ok?

É exibido um histórico das filmadoras da Sony, que é parte da introdução a um novo produto.

E o novo produto é mais uma
câmera de bolso. Seu nome é Bloggie, e, como o próprio nome acusa, é centrado nos bloggers.

Mais vídeos, mostrando imagens das câmeras da linha Cyber-shot.

O fotógrafo profissional Nigel Barker, sobe ao palco para dizer como são boas as novas câmeras compactas da Sony.

Começa falando das câmeras da série G. Ele começa a tirar fotos e transferir as imagens entre as câmeras. A TransferJet faz com que seja algo visto e não visto. Obviamente, não dá pra saber o tamanho das imagens. No futuro, veremos a TransferJet em câmeras, telefones, porta-retratos digital, entre outros.

Mudando de assunto, o foco agora é o meio ambiente. A Sony informa que reduziu suas emissões de material em 30%, e traz um novo micro-portátil ecológico. Seu nome é VAIO W, e é tão verde que é feito de CDs reciclados. Além disso, eles apresentam o VAIO F, com CPU quad-core e saída HDMI. Também é apresentado o VAIO Z, com controle inteligente de energia. Ele dá a impressão de ter dois chipsets gráficos de potências diferentes, e pode alternar entre eles, para economizar bateria.

Howard Stringer volta ao palco, e pede para que os presentes coloquem novamente os óculos 3D. Diversas imagens em 3D são exibidas, para apresentar a sua tecnologia neste formato.

A Sony, Discovery e IMAX lançarão um canal de documentários 100% em 3D em 2011. A Sony Music também vai entrar no mundo 3D, e levará os concertos de Kenny Chesney nos cinemas. Faz-se uma rápida menção de um acordo com a CBS, mas sem falar maiores detalhes. O mundial de futebol FIFA 2010, na África do Sul, será em 3D graças às câmeras da Sony. Também foi anunciado um acordo com a rede ESPN, que lançará um canal dedicado a programação tridimensional. George Bodenheime, vice-presidente da ESPN e ABC Sports, informa que em 2010, 85 eventos esportivos serão transmitidos em 3D pelos dois canais.

Agora, as TVs necessárias para desfrutar das tecnologias 3D. A Sony lança neste ano suas primeiras TVs em 3D, com os óculos e emissores necessários.

Para aqueles que não desejam o 3D, a Sony também terá telas compatíveis com o sistema, mas sem os óculos, nem o hardware necessário, que podem ser adquiridos posteriormente. Fazem uma menção rápida a um protótipo de TV OLED 3D, mas não falam nada sobre datas e/ou preços.

Eles alertam que é interessante sim vender os equipamentos 3D em separado, por causa da possível economia, mas a própria Sony não sabe se isso vai ajudar a implantar a tecnologia no mercado. Todas as lojas da Sony Style dos EUA começam a receber as TVs 3D imediatamente. A meta da Sony é se transformar em líderes mundiais em 3D. Stringer se despede, a música volta, e fim de apresentação.

Minhas impressões:

A Sony voltou a fazer aquilo que faz de melhor. Focou seus esforços em se implementar na parte de áudio e vídeo, e se deu bem sim. Novos produtos, como o Dash, uma nova empresa, a Sony Network Entertainment, novas câmeras para blogueiros, como a Bloggie, novas tecnologias para câmeras digitais, seus implementos na tecnologia 3D, os acordos fechados com grandes empresas… enfim, novidades não faltaram nesta apresentação. Jamais deve se ignorar o poder de disseminação da Sony, porque fazer barulho e produtos de boa qualidade eles fazem. E, no caso da competição principal, que é a das TVs em 3D, ela vem batendo pesado, com parcerias com CBS e ESPN. A disputa entre os fabricantes promete, e muito.

Fiquem ligados! Nos próximos dias, vamos mostrar, em detalhes, os produtos apresentados nesta apresentação. Aqui, no TargetHD.net, a CES 2010 vai longe!