TargetHD.net

Arquivo para a cateoria: Câmeras Digitais/Filmadoras

Yi Halo, a nova câmera de 360 graus da Google

by

Yi Halo

 

A Google recorreu à Yi para construir a Yi Halo, a sua câmera de 360 graus.

Na verdade, temos um sistema composto por 17 câmeras Yi 4K montadas em círculo (e uma na parte superior) para capturas em todas as direções. A má notícia e que esse não é um produto acessível, ao mesmo tempo que não é considerado caro, quando vemos o que ele é capaz de fazer.

Em 2015, a Google começou a flertar com as capturas em 360 graus, ao apresentar o JUMP, seu projeto para gravar nesse formato com um sistema de câmeras que, na época, vimos representado pela GoPro (o GoPro Oddysey).

Dois anos depois, vemos como essa proposta mudou. Antes eram câmeras que gravavam em 5.2K a 30 FPS. Agora, temos câmeras que gravam em 8K x 8K a 30 FPS, ou em 6K x 6K a 60 FPS.

 

 

A Yi Halo é controlada pelo smartphone, com um aplicativo próprio, e incorpora uma tela que mostra a capacidade disponível da SD, a bateria restante e outros recursos. Sua autonomia de bateria é de 100 minutos.

O sistema pesa 3.5 quilos e inclui a bateria, um controle Bluetooth, carregador, cabos, duas chaves de fenda e uma câmera de backup. Conta ainda com base para um tripé convencional.

 

 

A Yi Halo estará disponível a partir do verão norte-americano, com preço sugerido de US$ 17.000, um preço caro mas um bom preço A Ozo da Nokia custa US$ 40.000.

Além disso, a Google anuncia o Jump Start, um programa para selecionar os criadores de conteúdo que podem ter acesso ao Halo e ao Jump. Os pedidos podem ser feitos a partir do dia 22 de maio, e 100 criadores serão selecionados.

 


 

Via Google, Halo, The Next Web

Aparência final da Light L16, câmera com 16 objetivas e 52 megapixels

by

Light L16

 

Tem quem queira mais de dois sensores de câmeras em um smartphone. A Light L16 é uma câmera que está em desenvolvimento a anos, e que possui vários sensores para obter fotos ainda mais perfeitas.

O design final do produto foi revelado. O modelo faz uso intensivo da fotografia computacional para melhorar a qualidade das fotos, combinando as 16 objetivas que atuam de forma independente.

 

 

Na parte traseira, teremos uma tela LCD touch com pré-visualização da imagem e os controles e preferências para registro da foto. Na parte frontal, temos as 16 objetivas com seus sensores independentes que, combinados, entregam fotos de até 52 MP.

A câmera registra uma foto diferente com cada sensor, e um sistema inteligente combina todas as images para obter o melhor resultado, até mesmo em condições de baixa luminosidade. Obviamente há também dados tridimensionais da imagem, o que cria a possibilidade de se obter fotos ainda mais impactantes.

As objetivas contam com diferentes configurações: cinco de 28 mm (f/2.0), cinco de 70 mm (f/2.0) e seis de 150 mm (f/2.4). Sua capacidade interna será de 256 GB, e seu preço estimado é de US$ 1.700.

 

 

O primeiro lote da Light L16 já está esgotado, e as primeiras unidades do produto devem chegar aos seus compradores a partir do dia 14 de julho.

 

Via Petapixel

Polaroid Pop, uma volta às origens, com fotos instantâneas

by

Polaroid Pop

 

A Polaroid hoje está bem longe de ser aquela dos seus tempos de glória, mas ressurge em um gadget que apela diretamente para os mais nostálgicos, oferecendo aos mais novos a sensação de uma foto física: apresentamos a Polaroid Pop.

Fotos em negativo é algo de um passado muito distante. Fotos instantâneas também. Na década de 1970, essas tecnologias pareciam coisa de filmes de ficção científica, em um tempo onde as fotos eram vistas semanas ou meses depois de serem registradas, quando os negativos eram revelados.

Tais procedimentos são considerados jurássicos para quem hoje tira centenas de fotos em poucos minutos, sem falar no compartilhamento de imagens de forma instantânea e com todo o planeta.

Porém, a Polaroid Pop desafia essa tendência, indicando que o papel ainda tem futuro no mundo da fotografia.

 

Via The Verge

Leica Sofort, uma câmera instantânea com ar retrô

by

leica-sofort

A Leica apresentou oficialmente a Leica Sofort, uma câmera instantânea de corpo compacto em formato quadrado.

O produto chega ao mercado em novembro, e é equipado com um visor ótico e uma lente de 34 mm. A Leica Sofort conta com vários modos de cena, incluindo os modos selfie, festa e macro.

Pode receber filmes próprios (da Leica) em branco e preto (US$ 17) e coloridos (US$ 14), mas também pode lançar mão das Instax Film da Fujifilm, que são compatíveis com o modelo.

A Leica Sofort está disponível em três cores, e com o seu ar retrô como chamariz, tem preço sugerido de 285 euros. Sem dúvida é uma opção atraente para os mais nostálgicos.

 

 

 

Via Leica

Robô faz as melhores fotos subaquáticas dos Jogos Olímpicos Rio 2016

by

natacao rio 2016

Empresas como Canon ou Getty Images levaram para o Rio de Janeiro todo o seu arsenal e recursos para registrar as melhores imagens dos Jogos Olímpicos Rio 2016. O evento é perfeito para testar as câmeras mais modernas do mercado, mas também para introduzir novas tecnologias e equipamentos.

É especialmente interessante o trabalho de Al Bello da Getty Images nas piscinas do Centro Aquático Maria Lenk, onde ele conta com a ajuda de um pequeno robô para capturar as imagens debaixo d’água.

O robô é um case motorizado para a poderosa câmera Canon 1D Mark II, oferecendo possibilidades criativas com vários ângulos diferentes. O sistema é completamente remoto, e torna todo o processo mais prático. Ou mais seco, se você assim preferir.

Bello afirma que nos dias que utilizou o sistema, ele fez mais fotos em menos tempo, colocando em prática mais ideias. O fotógrafo fica sentado na área de salto dos nadadores, com o controle remoto na mão, e o monitor na frente dele.

Com certeza você viu alguma imagem de Al Bello, que está na sua décima primeira Olimpíada, quase todas trabalhando para a Getty Images. Não só registra imagens dentro d’água, mas fora, em modalidades diferentes.

natacao rio 2016 02

Em Londres 2012, a Reuters cobriu os eventos de natação com métodos parecidos: robôs com câmeras debaixo d’água. No Rio, há dez agências registrando imagens, e oito delas contam com sistemas aquáticos em funcionamento. Cada agência pode colocar apenas uma câmera em cada piscina.

 

O arsenal da Canon nos Jogos Olímpicos

canon rio 2016

 

A câmera utilizada é uma Canon 1D X Mark II, muito utilizada na fotografia esportiva, e muito cara. É provavelmente a câmera mais utilizada entre os fotógrafos do evento.

A imagem acima é do centro de assistência (Canon Professional Services) que a empresa criou no Rio de Janeiro, e conta com 1.500 objetivas e 950 corpos, que os fotógrafos autorizados podem utilizar com total liberdade. No centro trabalham 70 pessoas, que cedem material, limpam e reparam equipamentos.