bowflex-boost-1377129987

A FCC norte-americana (assim como a Anatel brasileira) pode ser em algumas ocasiões uma fonte de informação excelente. Dessa forma, ficamos sabendo da existência de uma iminente pulseira para os atletas amadores e profissionais, que deve chegar ao mercado em poucos dias, a um preço muito atraente. O nome do produto? Bowflex Boost.

O produto, tal como os seus rivais, promete registrar cada atividade do seu dia-a-dia, computando as calorias queimadas e até mesmo a qualidade do seu sono. Mas o seu maior atrativo é, sem sombra de dúvidas, o preço: chegará ao mercado internacional por apenas US$ 50. Da mesma forma que os seus adversários diretos (Nike FuelBand, Fitbit, Flex e Jawbone Up), a Bowflex Boost chega ao mercado com um aplicativo para o iOS que gerencia e sincroniza as informações coletadas pela pulseira para o smartphone/tablet via conectividade Bluetooth.

A pulseira foi anunciada durante uma reunião de acionistas da empresa Nautilus, que é quem fabrica e promove o produto, e o seu lançamento está previsto para o mês de setembro. Vale a pena lembrar que, além da aparência mais futurista e do fato que ainda vamos ter que experimentar o produto para conferir como ele se sai no mundo real, essas pulseiras que coletam os dados do usuário em atividades esportivas (ou, nesse caso em particular, o ritmo de vida ao longo das 24 horas) custam, pelo menos, o dobro do valor cobrado pela Bowflex Boost.

Não há nenhuma informação sobre o lançamento do produto no Brasil. Mas ficamos na torcida.

Via FCC, Bowflex Boost