Como não pensaram nisso antes?

O Booster Brolly é um guarda sol criado por especialistas da University College London, em parceria com a Vodafone do Reino Unido (que parece patrocinar o invento assim como patrocina os carros da McLaren na F1), integra um conjunto de células fotovoltaicas flexíveis, capazes de transformar a luz do sol em energia elétrica, e recarregar a bateria do nosso dispositivo móvel.

Os doze painéis solares de 2 volts geram a energia, que viaja através dos componentes internos do guarda sol pelo interior do seu chassi de fibra de carbono até a base, equipada com uma porta USB, que serve para conectar o seu smartphone ou tablet, justamente para carregar os equipamentos sem a necessidade de uma tomada elétrica.

O resultado? Seus desenvolvedores garantem poder carregar um smartphone em menos de três horas utilizando esse sistema, sempre que o clima assim permitir, é claro. Porém, esse guarda sol não é apenas um carregador ecológico gigante. Além de suas capacidades elétricas, o conjunto atua como uma antena repetidora de baixa potência, que recorre às ondas do rádio das torres de telefonia móvel da região, ampliando o seu sinal para assim garantir uma boa cobertura de onde estamos.

Para completar, o Booster Brolly incorpora inclusive uma pequena lanterna LED, alimentada pelas mesmas células presentes para a captação solar, que pode nos tirar de algum aperto quando a luz acaba em nosso caminho. O guarda sol vai passar por uma espécie de “teste público” entre os dias 22 e 24 de junho no Reino Unido. Ainda não tem preço definido pois não é sequer um produto finalizado.

Via Gizmologia