Boas notícias para os amantes da reciclagem, da personalização extrema ou todos aqueles que sempre tiveram a vocação para montar e desmontar seus brinquedos na infância. Um grupo de estudantes de engenharia mecânica da Universidade de Stanford desenvolveram um protótipo que se pode desmontar em apenas 10 passos simples, sem precisar de prática, muito menos habilidade.

O Bloom Laptop nasceu como um projeto de sala de aula para um registro de design, visando convencer os presentes da necessidade de reduzir as partes eletrônicas do portátil. O legal é que eles conseguiram cumprir bem o objetivo, a ponto da Autodesk indicar os responsáveis como “inventores do mês”. O portátil em questão utiliza uma espécie de linguetas no lugar de parafusos, que pode extrair os componentes mais difíceis de se reciclar (como, por exemplo, sua tela de LCD, sua placa-mãe ou o teclado). Para ver a ideia em ação, é só ver o vídeo abaixo.

Fonte