blackberry-logo

Segundo informa o jornal Wall Street Journal, a BlackBerry planeja uma eliminação de até 40% do seu quadro de funcionários até o final de 2013, realizando uma série de cortes “em etapas”, em todos os departamentos da empresa.

Vale a pena observar que a BlackBerry já se viu forçada a realizar demissões em massa quando ainda se chamava Research in Motion (RIM) para poder iniciar a nova fase da empresa. Segundo os últimos números oficiais, a BlackBerry conta hoje com 12.700 funcionários (em 2011, esse número era de 17 mil) trabalhando diretamente para a empresa.

A notícia chega depois que se tornou pública a pressão de vários membros do grupo de diretores da BlackBerry para que a empresa fosse vendida o quanto antes possível. Uma operação que pode ser dada como concluída já em novembro de 2013. A BlackBerry não tem muito o que falar sobre o assunto, e isso é absolutamente normal quando se trata de informações não oficiais, limitando-se a sinalizar que “as mudanças da organização seguirão tendo lugar para garantir que teremos as pessoas adequadas nos postos corretos, para criar novas oportunidades na computação móvel”. E isso é tudo o que a BlackBerry tem a dizer no momento.

Via WSJ.com