blackberry-teclado-teaser blackberry

A BlackBerry confirmou que está abandonando a fabricação de dispositivos, centrando seus esforços exclusivamente no desenvolvimento de software.

A parte de desenvolvimento de hardware ficará delegada a terceiros, e essa estratégia começou com o BlackBerry DTEK50, que foi produzido pela Alcatel.

 

Tudo apontava para essa decisão

Os rumores estavam corretos, e a BlackBerry aproveitou o anúncio dos seus resultados financeiros do segundo trimestre de 2016 para confirmar o fim de sua divisão de hardware, porém, mantendo a oferta de dispositivos com a marca, que serão fabricados por parceiros.

Essa decisão começou a ser ventilada quando em 2015 o CEO da empresa canadense John Chen comentou que considerava sair do negócio de hardware se o mesmo não fosse rentável. Ele repetiu a afirmação recentemente, e agora afirma que a empresa quer se centrar no software com o objetivo de maximizar seus lucros.

A BlackBerry foi uma referência no mercado mobile, mas a chegada de novas plataformas relegaram sua proposta a um segundo plano. Em 2009, a empresa ocupava 40% da cota de mercado nos Estados Unidos, mas o crescimento imparável do Android e do iOS fez com que esse número chegasse a menos de 1%.

O fim da fabricação de smartphones é a última tentativa de sobrevivência da empresa canadense. O próximo lançamento da empresa, o BlackBerry DTEK60 também seria fabricado pela Alcatel.

Agora, resta saber se a nova estratégia dá frutos.

Via Venture Beat