Reconhecido por aliar tradição e modernidade, O Bar Brahma Centro, na famosa esquina das avenidas Ipiranga com a São João, está investindo em tecnologia para continuar sendo referência de bar em São Paulo. Sua tradição está em ter as melhores opções de serviços para proporcionar aos clientes maior conforto e satisfação. O Bar Brahma iniciou em novembro o uso de um aplicativo inédito para o tablet da Apple. Batizado como Pad + Colibri, a app permitirá que o cliente tenha uma experiência multimídia durante seu atendimento, podendo explorar as opções do menu de pratos, bebidas e sobremesas, e até mesmo visualizar o fechamento de sua conta sem a necessidade de vias impressas.

Uma vez integrado ao sistema de gerenciamento do Bar Brahma, o aplicativo torna também o atendimento mais rápido, pois todos os pedidos escolhidos na tela do Pad são automaticamente direcionados ao bar e/ou cozinha do estabelecimento. Para tornar a experiência ainda mais atraente, o menu interativo conta com imagens especialmente produzidas para visualização na tela de 9,7 polegadas do tablet. Com alta resolução e retroiluminado por LED, o visor apresenta as fotos dos pratos de maneira nítida, brilhante, valorizando cores e contrastes.

Desenvolvido a partir do IOS SDK 4.1 do Apple Developer Program, a app é inédito no segmento de bares e restaurantes e já está disponível no Itunes para integração com estabelecimentos que já contam com as demais soluções de automação comercial desenvolvidas pela Esys Colibri, como o Colibri Food – que faz o gerenciamento dos pedidos e controle das vendas, e o Colibri Girassol –  que centraliza o controle dos estoque, das contas a pagar e receber, e das fichas técnica dos pratos. O sistema será implantado em todas as casas da rede Fábrica de Bares, e também será disponibilizado para todo o Brasil por meio da rede de revendedores autorizados Esys Colibri.

Na prática, o conceito é interessante, mas precisa de melhorias. Durante o almoço de apresentação do produto no Bar Brahma, foi explicado que, à princípio, maîtres e garçons receberão treinamento para que eles mesmos operem o tablet, evitando assim que o cliente escolha com maior liberdade o prato que deseja, tirando um pouco do conforto do cliente em um ambiente como um restaurante. Além disso, o sistema só informa o valor do produto quando se seleciona quantas porções a serem escolhidas, além da descrição completa dos pratos ficar ausente (porém, para este último, entendemos que pelo fato do garçom ou maître ficar presente para registrar o pedido, são eles que vão apresentar os ingredientes dos pratos). E, durante o evento, o sistema teve falhas no registro de pedidos, deixando uma das mesas sem receber pedidos. Outro ponto a ser registrado é a demora no atendimento, com pedidos levando quase 1 hora para chegarem à mesa, e em alguns casos, nem chegaram a ser concluídos (como bebidas que nunca chegaram à mesa). Mas estes problemas iniciais consideramos normais, por ser um sistema que está apenas iniciando suas atividades. Esperamos que estes problemas sejam resolvidos de acordo com a evolução do software, e do sistema de atendimento como um todo.