air-fryer-britânia-01

Nos últimos tempos, estamos vendo um movimento muito claro dos fabricantes de tecnologia em apresentar soluções que resultem em uma melhor saúde para o consumidor. As pessoas hoje vivem mais e querem viver ainda mais, e diferentes segmentos de consumo estão trabalhando por isso, cada um na sua maneira. O mundo dos gadgets agora se volta para as pulseiras quantificadoras, que medem a quantas andam o seu corpo, e em alguns casos, até dão dicas sobre como você pode se cuidar melhor, e isso é ótimo.

Por conta disso, produtos como as fritadeiras elétricas se tornaram um sucesso. Primeiro, porque oferece essa proposta de “vamos nos alimentar de forma mais saudável”. Segundo, porque usa a tecnologia para oferecer uma alimentação mais saudável. E terceiro – mas não menos importante -, porque produtos como esse oferecem o conceito “lei do menor esforço” na cozinha, algo que é sempre bem vindo.

Nesse post, vamos fazer a avaliação de apenas um dos modelos disponíveis no mercado, a Fritadeira Elétrica Britânia Air Fry. A ideia aqui é analisar se o eletrodoméstico pode entrar na lista de itens obrigatórios que todo bom geek precisa ter.

Sobre o Produto

No mundo, existem as fritadeiras elétricas, e as fritadeiras elétricas da categoria “air fry”, ou seja, todo o cozimento é feito através do ar quente produzido eletricamente pelo produto. O objetivo aqui é fazer com que o alimento seja frito ou cozido (ele pode fazer as duas coisas – mais para frente falo sobre isso) sem óleo, ou com a menor quantidade de óleo possível, mantendo as propriedades nutritivas do alimento, e sem perder o sabor ou as características que tornam aquele alimento desejado pelo consumidor.

2014-04-06 13.58.15

Existem várias marcas e modelos disponíveis no mercado dentro da categoria “air fry”. A ideia inicial era adquirir o modelo da Ford, indicado pelo ótimo blog do Nerd Pai. Porém, na época da publicação desse post, eu acabei perdendo a oportunidade de aquisição daquele modelo. Mas ao pesquisar um pouco mais sobre o assunto na internet, eu descobri que o modelo da Ford apresentado por ele é, basicamente, o mesmo modelo da Britânia que avalio nesse post (formato e funcionamento idênticos).

É claro, os resultados podem variar de marca para marca, e de usuário para usuário. Fato é que as fritadeiras do tipo “air fry”, na maioria dos casos, funcionam da mesma forma, e muitos modelos basicamente usam o mesmo formato de construção e até disposição de componentes. Logo, acabei optando pelo modelo da Britânia, por entender que os resultados seriam basicamente os mesmos.

Principais Características

2014-04-06 13.57

A primeira coisa que você tem que saber ao comprar uma fritadeira elétrica é: pense em um local para guardar esse produto. É um eletrodoméstico grande (capacidade de 2.2 litros) e relativamente pesado. Algo como uma panela elétrica de arroz (que um dia será avaliada por esse blog), mas com dimensões maiores e mais desproporcionais. Mesmo assim, acho que a maioria não vai pensar nesse detalhe na hora de comprar o produto. Logo, vamos para a parte que realmente interessa.

O produto funciona como descrito e prometido: você coloca os alimentos dentro da fritadeira, programa o tempo que o alimento ficará cozinhando lá dentro, e depois de alguns minutos, o alimento está pronto. Algumas coisas surpreendem positivamente na air fry da Britânia, como o fato de você poder retirar a bandeja onde o alimento fica armazenado para, eventualmente, poder mexer o alimento lá dentro, para que ele cozinhe por igual.

2014-04-06 14.0

A fritadeira possui um reservatório para armazenar a gordura que é eliminada pelo ar quente, comprovando assim a sua eficácia. Principalmente quando cozinhamos alimentos com alta concentração de gordura. O resultado visual depois do processo de fritura é algo impressionante, e você tem a clara impressão que, de fato, a air fry pode oferecer um resultado mais saudável do que a velha panela utilizada por você até hoje.

Agora, sobre ela cozinhar sem óleo… vamos por partes.

Ela cozinha sim sem óleo, mas para alguns alimentos, se você quer obter uma crocância, ou um resultado um pouco mais tostado na superfície do prato, é recomendado jogar por cima do prato em questão pelo menos uma colher de sopa de óleo. Se não isso, pincelar ou borrifar óleo no prato em questão também é recomendado. Tá, você pode até pensar que “aí, tá vendo, usa óleo…”. Mas em compensação, a diferença do óleo que deixa de ser utilizado para, por exemplo, fritar 500 gramas de batata frita palito, é algo brutal.

Nesse aspecto, a fritadeira air fry cumpre sim o que promete. Você literalmente deixa de usar todo o óleo que você precisaria para imergir as batatas para obter um resultado que é basicamente o mesmo, mas com apenas uma colher de sopa de óleo (onde parte dele será eliminado no processo de cozimento, com o ar quente).

2014-04-06 14.04

Outro detalhe importante: é mais do que recomendado não deixar a fritadeira em modo “ela que faça tudo sozinho”. Mesmo sendo um produto que teoricamente permita você fazer tudo em modo automático, deixando o alimento cozinhando enquanto você faz outra coisa de sua vida, devo lembrar que você AINDA ESTÁ COZINHANDO, ou seja, parte da responsabilidade pelo sucesso do prato ainda passa por você.

Em vários sites que consultei antes de utilizar o produto pela primeira vez, uma das recomendações que li de forma repetitiva é justamente intervir no processo de cozimento em alguns momentos. Por exemplo, pré-aquecer a fritadeira, retirar a cesta de armazenamento da comida para sacudir o alimento lá dentro (para que o mesmo seja cozido por igual), e aumentar a temperatura do cozimento nos últimos minutos do prato preparado.

2014-04-06 14.0229

Em todas as vezes que eu procedi dessa forma, os resultados foram positivos. Aliás, fica um registro final: você pode cozinhar de tudo na air fryer. Existem ótimos blogs na internet com receitas feitas na fritadeira elétrica. Tudo vai da criatividade do usuário com o produto.

Prós

– Cumpre o que promete: a Fritadeira Elétrica Air Fry Britânia obteve excelentes resultados no processo de cozimento de produtos de diferentes categorias, e de forma efetiva, entrega alimentos mais saudáveis, sem deixar de lado o sabor do prato final. O resultado final dos alimentos preparados não deixa a desejar em nada do que se o mesmo fosse preparado pelo modo tradicional.
– Mais fácil de se operar do que se imagina: um dos receios de muitos antes de comprar uma air fry é a sua suposta complexidade de uso. Na prática, isso não acontece. A curva de aprendizado para operar o produto é relativamente pequena. Uma vez que você entende como o produto funciona, você precisa é ajustar o seu uso para obter resultados culinários que se alinhem ao seu gosto e objetivos. E, nesse caso, você só consegue alcançar o resultado desejado utilizando o produto com maior frequência.
– Alimentação mais saudável: as frituras feitas na air fry realmente utilizam uma quantidade muito menor de óleo do que nos métodos convencionais, e a quantidade de gordura extraída de alguns alimentos é algo empolgante. Em consequência disso, sua alimentação está a caminho de ser algo mais saudável. E quem ganha com isso é você e sua família.

Contras

– Um produto grande e pesado: como eu disse mais acima nesse post, planeje bem o local onde você vai guardar a sua air fry na cozinha, pois é um produto que efetivamente ocupa espaço.
– Pesquise os preços: o modelo descrito nesse post é um dos mais “básicos”, e realiza a sua tarefa de forma eficiente. Existem modelos similares com grande variação de preços, e outros mais sofisticados, mas que podem custar muito mais caros do que um modelo com as características do produto da Britânia. Nos dois casos, é sempre recomendado pesquisar os valores antes de fazer o investimento. Se bem que, quando esse tipo de fritadeira começou a ser mais comentada no mercado brasileiro, ela chegou a ser oferecida por R$ 1.200. Hoje, está na faixa dos R$ 500. Ou seja, o preço já caiu bastante.
– É um pouco barulhenta: como é o ar que fica se movimentando em altas temperaturas – e alta velocidade -, a air fry tende a emitir uma boa quantidade de barulho durante o processo de cozimento. Não é algo exagerado, mas algumas pessoas podem se incomodar com isso. Mas é uma característica do produto. Apenas isso.

Relação Custo/Benefício

2014-04-06 14.0109

Excelente. A Fritadeira Elétrica Britânia Air Fry é um produto que é um excelente investimento para quem quer oferecer uma alimentação mais saudável para a sua família, além de ser mais um toque de modernidade e tecnologia na sua cozinha. Seja qual for o motivo pelo qual você vai investir em um produto como esse, entendo que os benefícios que você pode extrair de uma fritadeira como essas são diversos, o que justifica o investimento. Ou seja, é sim um produto que todo geek deve ter em casa.

Nota Final: 8.4/10

Desempenho: 10
Design: 7
Funcionalidades: 9
Preço:  7
Relação Custo/Benefício: 9

04-botao-clique037-180.jpg