pornografia infantil

 

Um dos principais servidores da Deep Web, o Freedom Hosting II (que abriga mais de 10 mil páginas), foi derrubado nesse final de semana.

Alguns garantem que um grupo do Anonymous foi o responsável pelo hack, que aconteceu como forma de combate à pornografia infantil.

Não é a primeira vez que isso acontece. Em 2011 e 2014, vários serviços desse tipo foram eliminados através de ataques, e tal medida não foi o bastante. Os atacantes copiaram 74 GB de dados das páginas web, para comprovar que a maioria do conteúdo alojado nesses servidores está relacionado com a pornografia infantil.

Além disso, o grupo garante que copiou toda a base de dados dos usuários cadastrados nas páginas.

Para proteger os usuários, os hackers eliminaram dados pessoais da base de dados antes de enviar o conteúdo para o FBI. O objetivo não era derrubar os servidores da Freedom Hosting II, mas quando eles detectaram a maior parte do conteúdo voltado para a pornografia infantil, isso indicou que os usuários pagavam para alojar esse conteúdo, e que o administrador sabia o que era armazenado lá.

Então, não houve outra alternativa, a não ser derrubar os servidores.