soundpad-ipad

Sabemos que as normas da Apple podem chegar a ser bem complexas. Porém, não fazemos ideia de onde são capazes de chegar a turma de Cupertino. A história de Josh Grant é uma pequena amostra disso.

Josh é um londrino que recentemente perdeu a sua mãe depois de um longo período de enfermidades. Em seus últimos meses de vida, ela estava fazendo uso de um iPad, e agora, depois de sua morte, o seu filho quer recuperar a informação, para poder utilizá-la a nível pessoal. Porém, há um pequeno problema: Josh não sabe o nome de usuário e a senha do iTunes, e não tem nenhuma forma convencional de conseguir tais informações.

Pois é. Com tal cenário, a Apple segue fiel à sua política de privacidade, e nem mesmo uma cópia do testamento, ou do atestado de óbito foram suficientes para que o fabricante desse o braço a torcer. O empenho de Josh em recuperar o iPad de sua falecida mãe continua, e agora ele terá que solicitar uma ordem judicial, que certifique que o iPad pertencia à sua mãe.

Será que a Apple vai liberar o nome de usuário e a senha, depois da intervenção da justiça britânica? Ou Josh terá que se dar por vencido nessa briga, que honestamente, beira o absurdo?

Vamos aguardar pelos próximos acontecimentos.

Via BBC