Apple TV 4K

A Apple atualizou a sua Apple TV, que passou a ter suporte para conteúdos 4K e HDR, mas “estranhamente” deixou de fora o suporte ao 4K do YouTube.

O suporte ao 4K é um passo adiante importante para a expansão do negócio da Apple em oferecer conteúdos para os seus assinantes em um formato com resolução pensando nas TVs do futuro.

Quem já tem filmes em HD comprados no iTunes terá direito à versão 4K do mesmo filme, sem custo adicional (caso essa versão exista), e esse é um acerto por parte da Apple.

Por outro lado, não poder descarregar filmes em 4K e não poder ver vídeos em 4K no YouTube são, aparentemente, dois pequenos problemas que o dispositivo possui logo de cara.

Usar o YouTube é uma das coisas mais comuns entre os proprietários de um media player. Mas no Apple TV 2017, o 4K do YouTube fica de fora, já que a Apple deixou de lado o suporte para o codec VP9 usado pelo serviço de streaming da Google, disponibilizando apenas o H.264, HEVC (H.265) e o MP4.

Esse pode ser um problema temporário. Mesmo assim, não faz sentido deixar a maior plataforma de vídeos do planeta de fora do 4K.

Além disso, o Apple TV 4K tem outros pequenos problemas a resolver, como o suporte para o áudio Atmos, ou permitir que o sinal de vídeo se ajuste em função de conteúdos. Ou seja, qualquer coisa que você assistir no dispositivo será convertido para o formato “melhorado”, mas nem sempre o upscalling oferece os melhores resultados.

Estes são pequenos pormenores que devem ser lembrados para quem está considerando a compra do novo Apple TV 4K.

 

Via MacRumors