Os rumores sobre a possibilidade da Apple ter decidido abandonar os mapas do Google em seu sistema operacional móvel iOS são cada vez mais fortes, e chegam acompanhados de várias provas. Segundo indica o Wall Street Journal, a decisão da Apple não se deve por causa de uma simples concorrência com o Android, mas sim por causa de limites impostos pelo Google, como o atraso com o lançamento do Street View ou a impossibilidade de utilizar o Google Maps Navigation, devido ao fato das duas empresas não terem chegado a um acordo com respeito à promoção das marcas ou uso dos serviços de geolocalização, como o Latitude.

Ainda que esperemos que a Apple anuncie o seu próprio serviço de navegação GPS durante a WWDC, o trabalho para desenvolvê-lo começou há muitos anos, com a compra da empresa Placebase, que depois abriu a porta para a aquisição adicional das empresas de geolocalização Poly9 e C3 Technologies.

Mesmo que nada disso tenha sido confirmado, é esperado que o serviço de mapas e GPS esteja presente no iOS 6. E se isso acontecer, a Apple deve anunciar uma API para que outros aplicativos façam uso de suas opções.

Via WSJ.com