A Apple vai ter que pagar mais de US$ 500 milhões para a VirnteX, uma empresa dedicada exclusivamente em conquistar nomes comerciais, ou em outras palavras, um troll de patentes.

A corte que analisou o caso deu ganho de causa para a VirnetX no ano passado, depois de sete anos de litígios. Na sentença, a Apple deveria pagar US$ 439.7 milhões, mas após a apelação, a gigante de Cupertino terá que pagar valores atualizados de US$ 502.6 milhões.

De acordo com a corte, a Apple copiou as patentes de tecnologias de segurança da informação no FaceTime, VPN on Demand e iMessage. A VirnteX iniciou como um sub-contratado da CIA para garantir as comunicações e patentes.

Na época, a Microsoft também foi processada, e a gigante de Redmond tentou comprar a VirnteX, que se negou a se vender, e recebeu da criadora do Xbox o valor de US$ 223 milhões para encerrar o caso.

Kandall Larsen, CEO da VirnteX, afirmou que “eles fizeram um estrago” pelas vendas de mais de 400 milhões de dispositivos Apple, e que “a evidência era clara”.

No final, Larsen ainda dá lição de moral: “diga a verdade, e você não terá que se preocupar com nada”.

 

Via Bloomberg