De acordo com o Wall Street Journal, a Apple vai investir US$ 1 bilhão para a criação de conteúdos originais para a sua plataforma de conteúdos de vídeo por streaming.

A Apple assim demostra serio interesse no mundo do entretenimento. Fontes próximas a empresa afirmam que os planos envolvem a criação de até dez séries de TV a médio prazo. Não está claro se esse conteúdo será lançado no Apple Music ou em nova plataforma.

A ideia seria oferecer conteúdos de qualidade, para competir com produções do nível de Game of Thrones.

Para liderar o novo formato, a Apple contrato Jamie Elricht e Zach Van Amburg, que chefiaram a Sony Pictures Television. Eles vão definir a estratégia dessa nova etapa, sendo responsáveis pela programação de entretenimento da Apple. Os dois se reuniram com executivos de Hollywood em busca de programas para essa plataforma da Apple.

A Apple vai enfrentar concorrentes consolidados. US$ 1 bilhão pode parecer muito, mas a concorrência que ela vai ter gasta muito mais. É metade do que a HBO gastou em 2016 em conteúdo.

Mesmo assim, pode ser um sério concorrente, principalmente se conseguir emplacar um megahit. Sem falar que a Apple tem capacidade de expansão de investimentos. E de sobra.

 

Via WSJ