iPad-air-2013-topo

Essa pode ser considerada uma das “surpresas” do evento da Apple de hoje (22). Quando todos imaginavam que seria um iPad 5, a Apple apresenta o iPad Air, que possui um design inspirado no iPad mini (algo amplamente divulgado pelos veículos de tecnologia), mas com algumas características que não foram vazadas pelos blogs e sites (e pelos chineses).

O novo iPad Air conta com uma tela de 9.7 polegadas (Retina… e não poderia ser diferente), além de muitas modificações que não passam apenas pelo visual externo. As medidas do iPad Air mudaram drasticamente (até mesmo para justificar a sua nova nomenclatura).

A consequência disso é que as suas bordas são 43% mais finas, um corpo 20% mais fino (7.5 mm) e um peso de 470 gramas (na versão Wi-Fi). Isso foi possível (segundo a Apple) com a redução da espessura dos seus componentes internos, tornando assim esse iPad o mais fino tablet da Apple já lançado.

iPad-air-2013-01

O novo iPad Air inclui ainda o processador A7 e o co-processador M7, os mesmos presentes no iPhone 5s, mas não conta com o identificador biométrico Touch ID. A Apple repete a estratégia de aumentar as especificações técnicas do produto, mas oferecendo a mesma autonomia de bateria do modelo anterior, ou seja, 10 horas de uso (na média) por recarga. Além disso, o modelo ainda conta com uma câmera traseira de 5 megapixels, dois microfones, conectividade LTE, sistema operacional iOS 7, entre outros recursos.

Quanto custa a brincadeira?

O iPad Air tem preço sugerido de US$ 499, ou seja, o mesmo valor que era cobrado pelo (finado) iPad de quarta geração, no seu preço base. O novo tablet estará disponível na versão de 16 GB de armazenamento, e os seus preços variam até o modelo com 128 GB de armazenamento, que na sua versão Wi-Fi + 3G, pode custar até US$ 929. Estará disponível a partir do dia 1 de novembro nos principais mercados internacionais, como Estados Unidos, Portugal, Itália, entre outros. A novidade dessa vez é que a China entra na janela de primeira leva de lançamento do produto.

Já o Brasil, como você bem sabe (e deveria estar acostumado com isso), não entrou na primeira leva, não tem preço sugerido, e deve demorar um pouco para chegar ao nosso mercado.

iPad-air-2013-03 iPad-air-2013-04 iPad-air-2013-02Via Apple