A Apple resolveu separar as seções da App Store, para facilitar a identificação dos seus dispositivos. Na página inicial da loja online, você vê um segmento com aplicativos para iPhone/iPod Touch, e outro apenas com aplicativos para iPad. A iniciativa é válida, uma vez que alguns programas para iPad não rodam no iPhone. Por isso, o índice de compras acidentais é reduzido. A mudança, por enquanto, vale apenas para a loja americana. No Brasil, a App Store não conta com destaque para aplicativos para iPad. Vale aqui lembrar que, para quem já comprou um iPad, os aplicativos comprados com uma conta brasileira não funcionam no tablet, por enquanto.

Fonte