galaxy-note-2-cinza-03

Android Lollipop teve uma liberação bem lenta e limitada na maioria dos smartphones top de linha, uma realidade que não tirou a esperança de alguns usuários do Galaxy Noter II e Galaxy S3, este último na versão LTE. Porém, ao que parece, a Samsung não está se importando muito com o clamor desse povo.

A confirmação oficial veio da divisão móvel da Samsung no Reino Unido, e choca frontalmente com a política adotada nas mesmas divisões da Dinamarca e Polônia, onde a atualização dos dois modelos foi 100% confirmada.

Não dá para entender muito bem o que se passa com a Samsung, mas parece que cada país tem as suas próprias ramificações, que decidem de forma independente se vão ou não atualizar dispositivos que no passado foram top de linha, mas desde já desperta a curiosidade dos usuários, que ficam um pouco perdidos com tudo isso.

Vale lembrar que tanto o Galaxy S3 LTE como o Galaxy Note II contam com processadores de quatro núcleos e 2 GB de RAM. Essas especificações (na teoria) são mais que suficientes para o update. Porém, se confirmada a recusa, fica mais que evidente que a ideia de não atualização não obedece uma falta de desempenho do dispositivo, mas sim mais um claro caso de obsolescência programada.

Via Neowin