camera-android-l-4

Vamos admitir: o aplicativo nativo de câmera do Android é, até agora, “limitado” (para não dizer que é uma porcaria). A ausência de controles manuais e contar apenas com três modos de funcionamento (visualização prévia, modo foto e modo vídeo) não permite que os usuários extraiam o máximo das possibilidades fotográficas desde a primeira utilização do dispositivo.

As alternativas de terceiros são muito mais completas, e vocês bem sabem disso. Porém, a nova API que a Google vai integrar no Android L pode mudar de forma radical esse cenário, já que muitas melhorias são prometidas para o aplicativo nativo e para os futuros apps de outros desenvolvedores.

Uma das mudanças fundamentais da nova API é uma melhora substancial da velocidade de captura, graças ao novo sistema de escolha de preferências, que será específico para cada dispositivo, e para cada modo de captura. As imagens contarão com uma configuração própria, que até agora era compartilhada em alguns casos, o que deixava o processo de captura mais lento.

650_1000_camera-android-l-1

 

Os controles manuais e o formato RAW finalmente chegarão aos dispositivos Android

A mudança que deve ser melhor recebida pela comunidade Android é a chegada dos controles manuais. A API do Android L oferecerá a possibilidade de configurar aspectos como a velocidade do obturador, o nível de ISO, o foco, o balanço de branco ou a exposição.

Não só isso: também será possível estabelecer outros formatos de captura além do JPEG, podendo escolher modos como YUV para o espaçamento de cor, ou o modo RAW/DNG, para manter toda a informação da foto capturada e realizar um pós processamento completo da imagem, para fins específicos.

camera-android-l-3

A eliminação das diferenças entre “modo foco” e “modo vídeo” também implica em melhorias. Por exemplo, será possível tirar uma série de fotos ou registrar imagens na máxima resolução enquanto gravamos um vídeo, ou gravar vídeos com HDR. A  Google destaca o modo HDR+ para o Nexus 5 como exemplo do que a nova API do Android L é capaz de oferecer aos dispositivos Android.

 

Uma grande revolução fotográfica

Esta nova API é compatível com o Nexus 5 que contam com a versão do Android L para desenvolvedores, e é uma manobra importante para melhorar uma das funções mais valorizadas pelos usuários de smartphones.

camera-android-l-2

Em breve, veremos como os desenvolvedores de terceiros vão tirar partido dessas opções. Levando em conta os novos dispositivos e as novas opções de câmeras para Android (como no caso do Samsung Galaxy K Zoom), o futuro parece ser bem promissor (desde que os fabricantes ofereçam um sensor decente, é claro).

Os aplicativos que se apoiam na função fotográfica também podem se beneficiar. Soluções como Camera360, VSCOCam e Instagram (entre muitas outras) terão que ou competir com o aplicativo nativo melhorado, ou repensar a sua estratégia, oferecendo inovações que certamente prometem muitas surpresas (positivas) aos usuários.

 

Via Anandtech