android-kit-kat

Também começo esse post com a palavra “finalmente”. Depois de vários vazamentos, rumores, eventos de colocação de estátuas e screenshots da interface de usuário, a Google anunciou de forma oficial o lançamento do Android 4.4, mais conhecido como KitKat (sim, o mesmo nome do chocolate.

Segundo informou Sundar Pichai na sua postagem de anúncio do sistema, uma das principais bases dessa nova versão é que ela está mais centrada do que nunca na eficiência. Os apps nativos consomem agora muito menos memória, e sua interface se escala automaticamente para se adaptar aos dispositivos que possuem apenas 512 MB de RAM.

Em outras palavras: a Google pretende que essa seja a úncia versão que esteja presente em todos os equipamentos Android, independente de sua classificação (de entrada, linha média ou premium), a partir de 2014. No mínimo, algo ambicioso (no que se refere a convencer os fabricantes de dispositivos a trabalharem na adaptação desse sistema para modelos mais antigos ou já descontinuados).

android-4-4-11

Na sua interface, vale a pena fazer uma menção para um design bem mais simples. Agora, temos um ícone de acesso direto à câmera a partir da tela de bloqueio (algo que vários fabricantes de smartphones já adicionaram por conta própria a algum tempo), além da opção de reordenar as diferentes áreas de trabalho. A interface de navegação agora desaparece quando você está dentro de um aplicativo, oferecendo um pouco mais de amplitude para os equipamentos que não possuem botões físicos.

Para os usuários que adoram personalizar suas mensagens com pequenos desenhos, uma boa notícia: os emoticons estão agora nativos no teclado Android. Além disso, um novo sistema de impressão sem fio (similar ao AirPrint) foi adicionado no Android KitKat. Também não poderia ficar de fora a possibilidade de acessar os serviços de armazenamento na nuvem de terceiros a partir do aplicativo de galeria padrão, além das melhorias no desempenho, com o objetivo de prolongar a autonomia de bateria dos dispositivos.

android-4-4-22

Com essa nova versão, a Google dá um destaque maior nas buscas. O Android 4.4 Kitkat oferece buscas de voz com um simples acionar de tecla. Esse sistema vai te perguntar as questões que você tem dúvida, para que tudo fique bem claro, para que os resultados da busca sejam os mais precisos possíveis.

Outro dado curioso: Pichai indica que o motor de reconhecimento de voz encarregado te tornar as buscas nesse formato algo possível é, pelo menos, 25% mais preciso. O Google Now também será reformulado em breve, para seguir a mesma tendência de design e funcionalidades do novo sistema, que prometem a exibição de cartões mais centradas no contexto, como por exemplo na hora de realizar compras ou visitar atrações turísticas.

Sobre a sua disponibilidade, o primeiro modelo a contar com o Android KitKat de forma oficial é mesmo o Nexus 5, que chegou ao mercado hoje. A Google promete que os demais dispositivos (sem citar quais, mas tudo indica que deve mesmo começar pelos modelos da linha Nexus) começarão a receber a nova versão do sistema “nas próximas semanas”.

android-4-4-32