A guerra do armazenamento de músicas na nuvem começou, e os competidores são pesos pesados. De um lado, temos o Google Music, com o seu limite de 20 mil músicas. Do outro, a Apple, com um preço de US$ 25 anuais, e em um outro canto, temos a Amazon, que oferece armazenamento ilimitado por US$ 20 anuais. Não duvidamos que outros gigantes da tecnologia também embarquem nessa competição, o que é bom para nós, usuários.

O serviço da Amazon é limitado aos Estados Unidos (por enquanto), mas deve se expandir para outros mercados, caso o projeto dê certo na América. A Amazon também anunciou que agora contam com um aplicativo do Cloud Player para iPad. A novidade é que, até o momento, os únicos dispositivos móveis com acesso aos seus serviços eram os dispositivos Android. Com esse lançamento, eles devem ganhar alguns usuários a mais.

via BGR