Moto-Z-2016-04

O Moto Z é uma das grandes apostas no segmento de modularidade, por conta de sua capacidade de expansão. Porém, os preços desses módulos não foram anunciados na Lenovo Tech World 2016. Agora, os primeiros dados da Verizon mostram quanto vai custar essa brincadeira.

De acordo com os dados da operadora norte-americana, os acessórios Moto Mods não sairão baratos, e mesmo sendo muito atraentes, seus preços são quase proibitivos. Os valores em dólares indicados no aplicativo My Verizon foram detectados por alguns usuários, e deixam claro que os melhores itens terão um custo elevado para a maioria dos usuários:

Insta-Share Projector: US$ 299
JBL SoundBoost: US$ 79,99
TUMI Power Pack: US$ 89
TUMI Wireless Charging Power Pack: US$ 99
Kate Spade shell: US$ 79

O que mais chama a atenção é o caso do micro-projetor, que surpreendeu durante a sua apresentação por ser uma interessante opção para os usuários, Porém, conta com uma bateria de 1.100 mAh, resolução de 854 x 480 pixels e brilho de 50 lúmens. Existem micro-projetores no mercado com bateria de 5.000 mAh, projeção de 1080p e brilho de 100 lúmens por preços similares ou inferiores.

O mesmo ocorre com os packs de bateria extra, algo que fará com que muitos avaliem outras opções “não nativas” para dotar o Moto Z com essas capacidades. Detalhe: os valores estão em dólares. Com certeza quando forem convertidos para reais (e com o “fator Brasil”) as notícias serão ainda piores.

Via Phandroid