lumia-mclaren

Um vídeo vazado pode indicar que a Microsoft ainda não abandonou por completo o Lumia McLaren, nome de código do dispositivo que poderia trazer consigo a tecnologia 3D Touch.

O McLaren (ou Goldfinger) seria um suposto sucessor para o Nokia 1020, um modelo que foi um sucesso de vendas por conta de sua poderosa câmera. Porém, alguém dentro da Microsoft entendeu que investir em uma nova versão desse modelo poderia ser um investimento de risco, sem falar que iria conta os novos objetivos da empresa – fortalecer a divisão móvel na sua produtividade e plataformas disponíveis, além de potencializar os serviços na nuvem.

Mas o vídeo publicado no Baidu pelo usuário @szleaks mostra como o Lumia McLaren funciona com a tecnologia 3D Touch, que permite os gestos de scroll e outros movimentos de interação no ar, sem tocar a tela, a alguns milímetros do dispositivo.

 

Até agora, a tecnologia não teve a acolhida que a Microsoft esperava junto aos desenvolvedores. Em maio de 2014, foram oferecidas as ferramentas para desenvolvimento e uso do 3D Touch no SDK do Windows Phone 8.1, assim como ideias sobre como é possível aproveitar ao máximo o recurso.

 

A incredulidade persiste

Por enquanto, não há um cancelamento oficial tanto desse suposto ‘Lumia 10X0’, nem da tecnologia 3D que vimos em funcionamento (talvez de forma prematura) no vídeo. Desse dispositivo, que já teve fotos vazadas, sabemos apenas que ele contaria com um sensor traseiro de 20 megapixels.

Também não sabemos qual é a rota de lançamentos da Microsoft para o restante de 2015. Tudo indica para pelo menos dois sucessores do Lumia 930, nos supostos 950 e 950 XL (Talkman e Cityman), que não dão indícios que contarão com o 3D Touch.