gogole-glass-apresentacao-02

A Google apostou pesado no Google Glass, mas ainda existem muitas dúvidas se o produto será de interesse para o grande público. E um dos motivos é o preço cobrado pelo gadget. Por enquanto, apenas desenvolvedores podem desembolsar os US$ 1.500 cobrados pelo produto, e o seu valor para o consumidor final ainda não foi definido. Porém, a grande maioria dos interessados pagaria pelos óculos inteligentes o valor máximo de US$ 400.

O site Gizmodo en Español fez uma pesquisa entre seus leitores, perguntando quanto eles estariam dispostos a pagar pelo Google Glass. Com quase 2 mil respostas, já podemos ter uma boa ideia do interesse e disponibilidade de pagamento pelo produto. E os resultados parecem não ser muito diferentes daqueles que poderiam ser encontrados em outras regiões do planeta.

34.4% dos leitores não pagariam mais de US$ 200 pelo produto, enquanto que 34.8% pagaria entre US$ 200 e US$ 400. 12% pagariam entre US$ 400 e US$ 600, enquanto que apenas 0.6% estariam dispostos a desembolsar os US$ 1.500 cobrados nesse momento para os desenvolvedores. Um detalhe importante: 10% dos leitores sequer estão interessados no Google Glass.

pesquisa-google-glass-gizmodo

É muito importante observar que essa foi uma pesquisa orientada, mas que dá uma pista do preço que as pessoas estão dispostas a pagar pelo Google Glass. Certamente a Google deve levar isso em consideração para tentar obter êxito junto ao grande público, e um valor entre US$ 200 e US$ 400 é um preço bem ajustado para o mesmo (particularmente, apostei em um valor limite de US$ 800).

Há quem diga que a Google vai apostar em um valor muito superior aos US$ 400, o que automaticamente tira o produto como um gadget de grande público para ser um produto pensado nos geeks mais sofisticados, com bolsos mais afortunados.

Via Gizmodo