O primeiro relatório trimestral de 2010 da Fundação Mozilla aponta que o Firefox domina aproximadamente 30% do mercado. Europa e América Latina são os locais onde o navegador é mais popular (40% e 31% respectivamente). Na América do Norte, apesar do maior número de usuários do navegador, ele é apenas o terceiro colocado, com 26% de participação. O relatório ainda destaca os locais onde a adoção do navegador cresceu ou alcançou a metade da população. Na Rússia, o crescimento foi de 20%, na Indonésia, é usado por 60%, e na Antártica (sim, tem gente lá), a adesão do Firefox chega a 80%. O motivo pelo qual a população do continente gelado adora o navegador se explica porque a grande maioria dos moradores da Antártica são pesquisadores, o que confirma que o Firefox é o preferido no mercado acadêmico.

Fonte