samsung-galaxy

Uma pesquisa realizada pela Global Wireless Solutions (GWS), que tenta analisar as tendências de uso do WiFi e do 4G junto aos consumidores do Reino Unido mostra que pelo menos um quarto dos usuários entrevistados preferem utilizar em casa as redes de dados da operadora móvel do que a rede sem fio de internet residencial.

A GWS entrevistou 2.000 adultos britânicos que se conectam na internet dentro e fora de casa, e especialmente dentro de casa temos esse resultado curioso: 25% desses preferem usar as redes 4G de sua operadora do que o WiFi oferecido pelo seu roteador.

O principal motivo é que, ainda que eles sejam capazes de se conectar na rede WiFi doméstica, elas contam com menor velocidade que as redes 4G da sua operadora. De fato, 13% nunca se conectaram ao WiFi, adotando exclusivamente o 4G.

Os resultados surpreendem, ainda mais quando descobrimos para que eles usam a internet 4G. Em primeiro lugar, as redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter, etc), com 57% dos casos, seguido pelas mensagens instantâneas (WhatsApp, iMessage, BBM, etc) com 52% e pelas compras online, planos de viagens e outros acessos relacionados ao consumo de bens e serviços, com 46%.

Todas são atividades muito populares, mas que não exigem grandes larguras de banda e velocidades vertiginosas. Talvez o caso das redes sociais seja a principal explicação na hora de enviar fotos e vídeos, já que nesse caso os usuários de uma conexão ADSL estão em clara desvantagem em relação ao 4G, que conta com velocidades de upload maiores (lá fora).

Seja como for, é curioso que em um mundo onde as operadoras querem ofertar cada vez mais as suas redes móveis no formato WiFi dos usuários particulares e empresas, e sejam justamente esses usuários que agora preferem deixar de lado o WiFi para adotar o 4G dentro de casa.

Via ISPreview